Meditação para os pequenos? Pode sim!

Descubra os benefícios da meditação para as crianças e como fazer a atividade com elas

23 de junho de 2016 - Por: Redação


Cheire a florzinha e assopre a velinha. São com essas referências lúdicas que o professor ensina as crianças a respirarem e inspirarem com calma, parte fundamental da meditação (Foto: Mariana Barcellos)

 

Feche os olhinhos e cheire a florzinha…

É assim, com a simplicidade típica das crianças, que o professor de Educação Física Hélio Werniski ensina os alunos da Educação Infantil do Marista Santa Maria a meditar. Conhecido por todos como Girafa, ele já é referência no colégio por transformar as aulas em momentos prazerosos para os alunos. Há três anos, Hélio começou a fazer exercícios de meditação com as crianças no começo e no fim das aulas e essa inovação está dando resultados positivos. “Depois das nossas sessões, eles comentam que estão com o corpo mais calmo, sentem-se mais atentos, mais tranquilos. É muito legal gerar essa percepção”, comemora.

Na meditação, a consciência corporal é muito estimulada e para as crianças esse momento é ainda mais importante. É nessa fase que elas estão desenvolvendo a inteligência emocional, uma das habilidades mais importantes para a construção de bons relacionamentos, e para isso o autoconhecimento é fundamental.  “Temos de plantar desde cedo a sementinha de que é importante dar uma pausa no dia a dia para absorver energias positivas e desenvolver uma consciência do seu corpo”, explica.

Hélio é voluntário do Projeto Mãos sem Fronteiras, que propõe a prática de meditação por pelo menos cinco minutos ao dia. Segundo o professor, essa atividade envolve uma transformação interior essencial para quem busca transformar o mundo em que vive.

 

Cheire a florzinha e assopre a velinha. São com essas referências lúdicas que o professor ensina as crianças a respirarem e inspirarem com calma, parte fundamental da meditação (Fotos: (Fotos: Mariana Barcellos)

Cheire a florzinha e assopre a velinha. São com essas referências lúdicas que o professor ensina as crianças a respirarem e inspirarem com calma, parte fundamental da meditação (Fotos: Mariana Barcellos)

 

EU MEDITO

“Cinco minutos ao dia mudarão sua vida”. É esse o lema da organização Mãos sem Fronteiras, fundada há mais de vinte anos na Espanha com o objetivo de desenvolver o bem-estar pessoal e a saúde social. Um dos projetos da ONG é o aplicativo para smartphone Eu Medito, que explica diferentes técnicas e permite ao usuário ter um maior controle de como está a sua prática de meditação. Para o professor Hélio, essa é uma maneira de utilizar a tecnologia, algo tão presente na vida das crianças, de forma positiva. “Eu apresentei o aplicativo para meus alunos e eles adoraram, já até pediram para os pais baixarem”, conta.

Related Post



Viverno digital

Loading...