10 aplicativos e sites que ajudam na educação

Uma lista de ferramentas tecnológicas que auxiliam o aprendizado das crianças

6 de outubro de 2016 - Por: Redação


 

outubro_aplicativos

Você que está procurando alternativas para ajudar seu filho a melhorar o desempenho escolar, sabia que a tecnologia pode ser uma grande aliada? Pedimos a professores e alunos do Colégio Marista Santa Maria dicas de aplicativos e sites que eles usam para estudar.

 

Para treinar uma nova língua:

Kahoot

É um site que oferece um serviço de quizzes interativos para aprimorar o inglês, no qual os participantes podem usar o seu smartphone para participar de forma interativa (sem necessidade de instalar qualquer programa). Ele ajuda a trabalhar o vocabulário e também pode ser usado para enviar perguntas e promover a discussão de diversos temas. “Já utilizei em aula algumas vezes e os alunos trabalham em grupos tentando trocar informações para responder de maneira correta e rápida. Eles aprendem, se divertem e querem continuar fazendo a mesma atividade em casa”, conta Priscila Renck, professora de inglês.

 

Duolingo

A dica da professora e coordenadora de Língua Inglesa Juliana Lopes Monteiro é o Duolingo, um app bem divertido que trabalha a escrita, compreensão auditiva e fala na língua estrangeira de forma lúdica. “À medida que o aluno vai passando de fases, ele vai abrindo novas etapas no jogo e vai ganhando recompensas. É bem bacana.” Tem versões em Inglês, Espanhol, Italiano, Francês e muitas outras línguas.

 

Vocarro

É um site de gravação online gratuito e que também pode ser instalado no sistema android. Com uso de algum dispositivo com microfone, os alunos podem gravar frases ou pequenos textos e depois ouvirem sua pronúncia. Com essa ação eles podem avaliar a sua sala e observar onde podem melhorar ou aperfeiçoar sua pronúncia. “Já utilizei em sala e os alunos ficam superanimados, repetindo a gravação e felizes com o resultado. É uma prática válida para o aperfeiçoamento da fala na segunda língua”, ressalta a professora de inglês Priscila Renck.

 

Chocolapps

A Chocolapps é uma empresa que desenvolve diversos aplicativos educacionais para crianças de 3 a 10 anos. Em alguns deles as crianças podem escutar histórias clássicas, como Chapeuzinho Vermelho e Pinóquio, e acompanhar a escrita com as palavras destacadas. Segundo a professora de Educação Infantil Ana Carolina Bizinelli Romano, os alunos adoram. A marca também oferece aplicativos que abordam assunto como o corpo humano e os planetas.

 

Para aprender matemática:

Math is fun

Outra dica de Ana Carolina é o site Math is fun. “São vários jogos que exploram o raciocínio. Você pode escolher o grau de dificuldade conforme a faixa etária da criança”, conta a professora.

 

Mangahigh

Essa plataforma desafia o aluno com conteúdos matemáticos propostos pelo professor. Por meio de jogos é possível brincar e aprender ao mesmo tempo. “A plataforma é adaptativa, permitindo assim retornar onde o aluno encontrou dificuldade e refazer exercícios do mesmo nível para avançar”, explica a analista de tecnologia educacional Janete Ranciaro. Segundo a aluna do 5º ano Ana Beatriz, o Mangahigh a ajuda a decorar tabuadas, a agilizar o pensamento e até a conhecer coisas novas. “O site faz parte do meu aprendizado e, além disso, nos ajuda com jogos tradicionais, o que o torna uma forma mais fácil e muito divertida de aprender.”

 

Geogebra

É um aplicativo gratuito disponível para smatphones e tablets de todas as plataformas. O Geogebra é um recurso extremamente intuitivo e aplicável em diferentes níveis para o ensino de matemática. No 2º ano do Ensino Médio, a professora e coordenadora da área de Matemática Edilaine Peracchi utilizou a ferramenta para enriquecer o ensino de trigonometria e geometria espacial.

 

Matific

Esta plataforma oferece diversas atividades, como minijogos interativos e atividades práticas, para alunos da Educação Infantil ao 6º ano. “As crianças têm se apaixonado pela matemática, pois com esses jogos é possível revisar e fixar o conteúdo visto em sala de forma lúdica e atrativa. Eles comentaram que os jogos ajudaram a retomar o conteúdo dado em sala de aula”, conta Marcia Regina Maiochi, professora do Ensino Fundamental.

 

Para ajudar na organização e concentração:

5 Minutos Eu Medito

Esse aplicativo pode ser utilizado para acalmar as crianças e oferecer um estado propício para o aprendizado. Crianças que meditam realizam atividades com maior foco e têm maior absorção de conhecimento, o que garante uma melhora na aprendizagem. “Aqui no Santa Maria utilizo o aplicativo em minhas aulas de movimento, fazendo da meditação uma rotina para nossos alunos. Com o passar do tempo venho recebendo um retorno das crianças, professoras e famílias dizendo que estão mais tranquilas e melhorando suas atitudes no dia a dia com seus pares. Elas relatam que também estão usando o aplicativo em casa com seus familiares, ampliando os benefícios em larga escala a todos que estão ao seu redor”, afirma Hélio Wolff, professor de educação física.

 

Coggle.it

Muitas vezes a maior dificuldade do aluno é em se organizar. Para ajudar com esse problema, o site Coggle.it possibilita de forma extremamente simples a elaboração de mapas mentais, também chamados de mapas conceituais. Sua utilização é exclusivamente online, sem ser necessário instalar ou baixar um aplicativo. O professor de Geografia Guilherme Alpinhaky da Silva utilizou com suas turmas do 2º ano do Ensino Médio e o resultado foi muito positivo. “A técnica de mapas conceituais é muito utilizada como forma de organização, estudo e retomada de conteúdos. Os alunos gostaram bastante.”



Viverno digital

Loading...